shopping-bag 0
Items : 0
Subtotal : 0.00 
Ver Carrinho Check Out

Notícia

Sabugal, 0 – Feirense, 2 | Crónica

Marcar cedo e cedo gerir…

O Feirense venceu o Sabugal por duas bolas a zero em jogo referente à 2ª Eliminatória da Taça de Portugal, disputado no Estádio Municipal do Sabugal. Porcellis, aos dois minutos, deu vantagem à equipa de Pepa, para Platiny, na conversão de um grande penalidade aos 77 minutos, marcar o segundo golo e estabelecer o resultado final em 2-0 para os azuis.

Pepa aproveitou este jogo para dar minutos de competição aos jogadores menos utilizados, fazendo entrar em campo uma equipa composta por muitos dos habituais suplentes e alguns jogadores que ainda não haviam sido convocados. Destaque para as estreias de Mika, Jonny e Vieirinha em jogos oficiais esta época. O jogo começou com o golo madrugador do Feirense, logo aos dois minutos. Sérginho cobrou um canto no lado direito e Porcellis, ao primeiro poste, saltou mais alto do que os defesas contrários a cabeceou certeiro para o fundo das redes de Nuno Morais. O Sabugal respondeu aos seis minutos. Márcio Santos apareceu em posição frontal a rematar forte de fora da área, obrigando Otávio a uma defesa apertada. Este foi o único lance de real perigo criado pelos visitados durante todo o encontro. O Feirense, sempre com mais posse de bola, ia gerindo a curta vantagem, mantendo o seu adversário muito longe da baliza à guarda de Otávio. A superioridade qualidade técnica e tática da equipa de Pepa era bem evidente, permitindo aos fogaceiros gerirem o jogo como queriam. Á passagem da meia hora de jogo, na sequência de mais um ataque dos azuis, Porcellis rematou forte e cruzado fazendo a bola passar muito perto do poste esquerdo da baliza de Nuno Morais. Ao intervalo o Feirense vencia por uma bola a zero.

O início da etapa complementar manteve o ritmo da primeira parte, com os fogaceiros a gerirem a posse de bola, mantendo o seu oponente remetido ao seu meio campo defensivo. Aos 53 minutos, numa bem definida jogada de ataque dos azuis, Tiago Jogo viu Vasco Rocha solto no lado direito e endereçou-lhe a bola, mas o remate cruzado do médio não levou a direção certa e saiu junto ao poste direito. A equipa do Sabugal procurou, durante alguns minutos, ser atrevida no ataque, mas as suas tentativas esbarraram na superior qualidade, e maior experiencia, dos jogadores do Feirense, nunca chegando a criar uma real situação de perigo para a baliza à guarda de Otávio. Pepa refrescou lado direito do ataque e lançou Erivaldo para o lugar de Emma, que trouxe mais velocidade ao jogo criando muitas dificuldades aos defesas contrários. Aos 66 minutos, Vasco Rocha recebeu a bola de costas para a baliza, rodou sobre o seu adversário rematando à meia volta, mas Nuno Morais mostrou bons reflexos e fez uma excelente defesa. Aos 73 minutos, Erivaldo recebeu um passe do recém-entrado Platiny, que rendeu Porcellis, livrou-se de um adversário e correu isolado em direção da baliza de Nuno Morais mas foi rasteirado por Di no momento do remate. Tiago Antunes, bem posicionado, assinalou de imediato grande penalidade a favor do Feirense e mostrou o segundo cartão amarelo ao defesa do Sabugal, e consequente cartão vermelho, que assim deixou a sua equipa reduzida a dez jogadores. Na conversão do castigo máximo, Platiny, com muita classe, fez o segundo golo para os fogaceiros. Até final o Feirense ainda dispôs de mais duas ocasiões para ampliara a vantagem no marcador mas o jogo terminou com a vitória da equipa de Pepa por duas bolas a zero.

Taça de Portugal | 2ª Eliminatória
26 Setembro | Sábado | 15 horas
Estádio Municipal do Sabugal

Sabugal, 0 – Feirense, 2

Sabugal: Nuno Morais, Diogo Cordeiro, Iúri Santana, Di, Cristiano, Tiago Barra, João Pedro, Márcio Santos (Nani, 68’), Fábio Rebelo (Iajir, 60’), Jorge Pernadas, Vítor Camilo (Nuno Marcos, 78’)
Suplentes: André, Janela, Nuno Marcos, Pedro Carvalho, Iajir, Nani, Miguel Hortelão
Treinador: Rui Nascimento

Feirense: Otávio, Micael, Sérginho, Mika, Nuno Diogo, Vasco Rocha, Rúben Oliveira (Vieirinha, 73’), Tiago Jogo, Jonny, Emma (Erivaldo, 58’) e Porcellis (Platiny, 73’)
Suplentes: Alampasu, Pedro Santos, Semedo, Vieirinha, Wei, Erivaldo e Platiny
Treinador: Pepa

Árbitro: Tiago Antunes (AF Coimbra)

Ação disciplinar: Cartão amarelo para Di (35’ e 75’), Márcio Santos (16’), Vítor Camilo (55’), Micael (58’) e Tiago Barra (63’)
Cartão vermelho por acumulação para Di (75’)

Marcadores
0-1 Porcellis (2’)
0-2 Platiny (77’ g.p.)

SCS-CDF_21 SCS-CDF_22 SCS-CDF_23 SCS-CDF_24 SCS-CDF_25